"Não há um milímetro do mundo que não seja saboroso" (Jean Giono)

sexta-feira


meus olhos abriam-se vezes sem conta...num sono interrupto pelo tua ausência. o frio a gelar o meu corpo que não te tem. é divinal e até sagrado como fazes a primavera em mim. é infernal a forma como deixas o frio inverno em mim quando vás.

quarta-feira

Meu Amor

De ti somente o nome sei, amor.
É pouco, é muito e é bastante
para que esta paixão doida e constante
dia após dia cresça com vigor!

Como de um sonho vago e sem fervor
nasce uma paixão assim tão inquietante!
Meu doido coração triste e amante
como tu buscar o ideal na dor!

Isto era só quimera, fantasia,
mágoa de sonho que se esvai num dia,
perfume leve dum rosal do céu...

Paixão ardente, louca isto é agora,
vulcão que vai crescendo hora por hora...
o meu amor, que imenso amor o meu...


[Florbela Espanca]



Rádio Sabor a Canela

Sabores Anteriores