"Não há um milímetro do mundo que não seja saboroso" (Jean Giono)

segunda-feira

Assim...pode ser!



Doi-me o CORAÇÃO de tanto te amar!
(sabe-me bem esta dor)

sexta-feira

Vamos conseguir



Não desistir
Nunca abandonar
Passo após passo
Eu prometo-te que vamos chegar!


Coração avariado?



Quando exteriorizar tudo é mais que uma necessidade,
é uma exigência da alma…

Não tenho medo do que vou dizer,
Mas receio o que já disse.

E penso..penso…não paro de pensar!

O meu coração é cego por ti,
Mas tem uma vontade tão
Contraria à lucidez.
Um coração desvairado e alucinado,
Que não consigo trocar…mudar!

quarta-feira

A caricia do teu respiro



Pego-te pela mão e no
caminho recolho o solitário
raio de sol que se afundou
na terra quente...levo-o connosco.

Olho para ti e sentimo-nos os dois...
porque há palavras que nos beijam
e cada caricia é um refugio,
o nosso refúgio.

sexta-feira

Não sei



Já não sei se nunca foi assim
Ou se sempre foi e eu nunca vi.
Mas agora questiono-me,
Pela primeira vez questiono-me sobre ti

Pensar que 7 é tão pouco e ao mesmo tempo é tanto e até de mais!
Porque sei o teu silêncio de cor,
Mas desconheço-te completamente.

Como duas realidades tão distantes se encontram
Sem as duas almas colidirem?

É por não saber que fazer de mim, de ti, deste coração e desta teimosia…
É por não conseguir conversar com o teu silêncio
e a minha alma não colidir com a tua numa realidade paralela…

É por não saber, querer saber e nem querer saber…

Rádio Sabor a Canela

Sabores Anteriores